>Sabes o que é Brick?

O Brick (tijolo) é sem duvida o maior medo de todos que possuem uma PSP/PS3 (e outros aparelhos também). Ninguém gosta de jogar dinheiro fora, por isso deve se ter total atenção e cuidado com o seu aparelho para evitar o Brick que pode trazer problemas sérios de sistema e até mesmo a inutilidade.

Na maioria dos casos de brick ocorrem por falta de informações e atenção do usuário. Por este motivo, resolvi centralizar nessa postagem informações e dicas para você andar longe da tal desgraça, além de desfazer alguns mitos sobre o brick.



O BRICK
Fala-se muito sobre este monstro, mas pouco se sabe sobre ele. O brick, é o apelido dado no universo técnico a semi (semi-brick) ou total invalidez de um sistema (firmware).

As causas desse mal geralmente são atualizações de firmware não completadas, tentativas de dowgrade do firmware, alterações no sistema através de hacks, uso indevido de custom firmwares (CFW/ firmwares customizáveis) e a instalação de CFWs não compatíveis com firmware oficial usado.

A QUEBRA DA ATUALIZAÇÃO
Fique ligado na hora de fazer uma atualização de firmware na sua PSP ou PS3. A própria Sony avisa previamente que a atualização não pode ser interrompida, pois a interrupção poderá causar o mal funcionamento do sistema ou a própria invalidez do mesmo (Alguem ligou isso ao BricK? Parebens!). Fazer qualquer coisa que interrompa uma atualização há 50% de chances de ocorrer o brick definitivo. Evite, siga as dicas a seguir.

AS DICAS
Se você possui um NoBreak em casa, siga a dica do Merlin, use enquanto o seu PS3 instala uma nova versão do seu firmware ou CFW, caso haja a oscilação de energia ou a falta dela, ao menos você terá a segurança que o Nobreak oferece. Evite deixar o cabo de força muito exposto, esticado ou atravessado. Imagine o cabo de força do PS3 bem estirado passando pelo meio da sala e ligado na tomada da parede oposta ao PS3 que está sendo atualizado e acidentalmente alguém puxa esse cabo, no caso a atualização será interrompida.

Na PSP, deixe-a ligado com adaptador  em uma superfície plana para evitar o desligamento durante as atualizações de firmware e instalação de CFWs e quedas repectivamente. Não mexa onde você não tenha domínio ou conhecimento suficiente, como as flashs, que são as memórias que armazenam o sistema e as informações do mesmo.

Evita instalar o primeiro CFW ou hack que encontraste. Sempre que fores fazer algo parecido. Evita também os “Downgrades”, se tu fizeste (merda) porque  atualizizaste o sistema e agora não tens mais os benefícios que tinhas antes, se paciente, espera por algo que ofereca o mesmo efeito de antes no sistema atual, pois mais vale esperar tranquilo e calmo do que correr riscos (quebra essa dica se tens consciência do que fazes).

CFW, A CAUSA DO BRICK, O MITO
Sempre que falamos em brick, vem logo a cabeça a idéia do uso dos CFWs. É bom deixar claro que o brick em si não é originado pelo CFW, mas sim pela interrupção e uso de CFW’s que não são compatíveis com o sistema ou com hardware do usuário. Repito o que disse anteriormente: não instales nada na tua consola sem ter total certeza de que aquilo é compatível com tei aparelho e sistema actual, vê os requisitos, análisa o que as pessoas que já usaram andam a comentar. O que quero dizer é que não é apenas os CFWs que causam o brick, quero que entendam o seguinte: se uma atualização de firmware oficial pode causar problemas, imagine então a instalação de um firmware feito por terceiros.

CONCLUSÃO
É isso! Com as informações e dicas que dei aqui, espero que vocês fiquem com os olhos abertos, cuidado sempre é bom.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: